27.2.06

Sopa coreana de wakame


Esta é uma receita rápida e simples feita com wakame, uma alga japonesa que é vendida desidratada. O gengibre dá um toque especial à sopa, aconselho-a para um dia frio.


Sopa coreana de wakame

2 x de wakame hidratado
2 c. de sopa rasas de gengibre cortado em tirinhas
1 cubo de caldo de galinha (a receita pede dois, mas achei que ficaria muito salgado)
5 x de água quente
1 c. sopa de sementes de gergelim

Corte o wakame em pedaços de aproximadamente 3 cm de comprimento, polvilhe um pouco de sal, misture e reserve.
Dê uma socada nas sementes de gergelim ou corte grosseiramente com uma faca para que fique mais perfumado.
Dissolva o caldo de galinha na água quente, leve ao fogo, assim que começar a ferver, adicione o wakame e o gengibre, retifique o tempero com sal e pimenta se desejar e desligue antes que comece a ferver outra vez. Sirva em tigelas polvilhando um pouco de gergelim.

25.2.06

Frango com molho de gengibre agridoce




Adoro esta receita de um livro de culinária japonesa. Muito simples e saborosa, pode ser feita com lombo de porco em fatias bem finas ou com frango.

Frango com molho de gengibre agridoce
1 peito de frango cortado em filés finos (cerca de 300g)
farinha para empanar

óleo para fritar


Marinada

1 c. chá caldo de gengibre
2 c. sopa de shoyu
1 1/2 c. sopa de saquê
Molho agridoce
2 c. chá de gengibre ralado
1 1/2 c. sopa de shoyu
1 c. sopa de saquê

1 c. sopa de açúcar


Deixe os filés na marinada por cerca de 20 minutos.
Após esse tempo, empane-os com a farinha e frite-os em uma frigideira com um pouco de óleo. Reserve-os. Limpe a frigideira com papel absorvente, leve-a ao fogo novamente. Adicione o molho agridoce e os filés de frango, misture com cuidado até que o molho envolva a carne. Sirva.

18.2.06

Panna cotta de iogurte


Depois de ver receitas de panna cottas, uma mistura de creme de leite e gelatina, no Bakingsheet e no Kitchen Space, não resisti e fiz a receita da Ana. Uma delícia! acrescentei uma colher de sopa de sementes de papoula e a sobremesa ficou ligeiramente "crocante"!

Panna Cotta de iogurte

¼ x
água
2 c. chá gelatina sem sabor em (usei um envelope de 12g)
1 ¼ x
creme de leite
¼ x açúcar
1 ½ x iogurte
½ c chá de essência de baunilha
1 x. de geléia de sua preferência
algumas colheres de água

Adicione a água à gelatina e deixe inchar. Aqueça o creme de leite com açúcar até que este último dissolva. Retire do fogo, adicione a gelatina e mexa até dissolver. Acrescente o iogurte e a essência. Misture bem, e coloque em taças ou ramequins individuais, ou em único recipiente, se preferir. (Lembre-se de molhar os recipientes com água e não enxugar para facilitar na hora de desenformar). Deixe na geladeira até que fique firme.
Leve a geléia com a água ao fogo, mexa até que fique homogêneo e empregue.
Desenforme sobre um prato e sirva com a calda.


16.2.06

Clafoutis de pêras aos mendicantes

Esta sobremesa é da revista "Cuisine et vins de France". "Clafoutis" é uma sobremesa que fica entre o bolo e o pudim e sempre leva uma fruta, o termo "mendicantes" designa uma mistura de frutas secas: nozes, figos, passas e amêndoas. As cores evocam aquelas das quatro ordens mendicantes: o branco dos dominicanos, o cinza dos franciscanos, o marrom dos carmelitas e o violeta dos agostinianos.
Clafoutis de pêras aos mendicantes
4 pêras
2 c sopa de cada uma das frutas secas seguintes: amêndoas, nozes e passas
4 ovos
150g de açúcar + 20 g para a forma
2 c. sopa de farinha
200ml de creme de leite
1 c. sopa de essência de baunilha (usei menos)
2 c.
sopa de rum
20g manteiga para untar
Preaqueça o forno a 180C, unte uma forma redonda com manteiga e polvilhe-a com o açúcar. Descasque as pêras, corte-as em quatro, retire os caroços e corte-as em fatias não muito finas. Disponha-as na forma.
Pique grosseiramente as frutas secas e disponha-as sobre as pêras. Em uma tigela, misture os ovos com o açúcar. Adicione a farinha peneirada, o creme de leite, a baunilha e o rum.
Espalhe a massa delicadamente sobre as pêras e asse por 45 min. Sirva morno ou frio na própria forma.
************************************
Clafoutis is a kind of cake made with fruits, something between a cake and a pudding. The word "Mendiants" refers to the dried fruits: walnuts, figs, raisins and almonds. Their colors, by their turn, are a reference to the colors of the religious orders: white=dominicans, gray=franciscans, brown=carmelites, violet=augustinians. From "Cuisine et vins de France" magazine.

Clafoutis aux poires aux mendiants



4 pears
2 tablespoons almonds
2 tablespoons walnuts
2 tablespoons raisins
4 eggs
150g
sugar + 20g for cake pan
2 tablespoons flour
200ml
light cream
1 tablespoon vanilla essence
2 tablespoons rhum
20 g butter for cake pan


Heat oven to 180C; butter round cake pan, sprinkle with sugar. Peel pears and cut in half. Remove core; cut into slices (not too thin). Arrange pears in bottom of prepared cake pan.
Chop dried fruits roughly and spread over the pears.
In bowl, whisk eggs,
sugar until lightly frothy. Add sifted flour, light cream, vanilla and rhum. Whisk until smooth. Pour batter over fruit. Bake about 45 minutes. Serve warm or chilled.

 

15.2.06

5 Habitudes Étranges - 5 hábitos estranhos

Encore um MeMe! C’est fois, Zaza m’a passée le relais! (Outro MeMe! Desta vez, Zaza me passou o questionário!)

1. Je n’ai pas l’habitude de boire des boissons gazeuses,
mais quand je le fais, je mets la boisson dans un verre et je la remue avec une fourchette pour enlever le gaz. Je fais ça quand je suis seule chez moi, bien entendu! (Não tenho o hábito de beber refrigerantes, mas quando o faço, eu o coloco em um copo e o mexo com um garfo para retirar seu gás. Claro que faço isso quando estou sozinha em casa!)

2. Avant de dormir, je vérifie si le réfrigérateur est fermé et si le four n’est pas allumé. Je suis très distraite! (Antes de dormir eu verifico se a geladeira está fechada e se o forno está desligado. Sou muito distraída!)

3. J’ai l’habitude de manger seulement la garniture des gâteaux. (Tenho o hábito de comer o recheio e a cobertura dos bolos.)

4. J’aime lire des textes en langue étrangère en haute voix quand je suis seule, si mon mari m’entend, il dit quelque chose comme: “tu prêches?”. (Gosto de ler textos em língua estrangeira em voz alta quando estou sozinha, se meu marido me ouve, ele diz algo como: Você está rezando?)

5. j’aime regarder la pluie tomber assise en face de la fenêtre ouverte. (Gosto de ver a chuva cair sentada na frente da janela aberta).

Est-ce
que je suis trop bizarre? (Sou muito bizarra?) 

Je passe le relais à toutes celles qui y veulent participer: Valentina, Akemi, Ana, Lara, peut-être? (Passo a vez a todas aquelas que desejem participar, Valentina, Akemi, Ana, Lara, talvez?)


MeMe des 4 - MeMe dos 4

Emi Taya m’a passée le relais, alors voilà! (Emi Taya me passou a vez!)

4 jobs que j'ai eus dans ma vie. (4 empregos que tive)
Serveuse dans un fast food chinois (atendente de um fast food chinês)
Auxiliaire de profs de japonais: je rangeais leurs livres, faisais des photocopies, etc. (Assistente de professoras de japonês, eu arrumava seus livros, tirava cópias, etc.)
Dès mon DEA d’Historie de la philosophie (je travaille maintenant à mon doctorat) j’ai toujours reçu une bourse d’études du gouvernement. (Desde meu mestrado em História da filosofia (estou no fazendo o doutorado agora) sempre recebi uma bolsa de estudos do governo.

4 films ou séries que je pourrais regarder encore et encore (4 filmes ou séries que poderia assistir várias vezes)
Babette’s feast – A festa de Babette
Antonia’s line – A excêntrica família de Antônia
Bridges of Madison County – As pontes de Madison
In the mood for love – Amor à flor da pele

4 endroits ou j'ai vécu (4 lugares em que morei)
Jacareí, São Paulo
Campinas, São Paulo
Jundiaí, São Paulo
Itupeva, São Paulo. J’ai toujours vécu dans l’état de São Paulo! (Sempre morei no estado de SP!)

4 émissions que j'aime regarder (4 programas que gosto de assistir)
Kaze no Haruka (NHK)
Frasier (Sony)
Thalassa (TV5)
House (Universal)

4 endroits ou j'ai été en vacances (4 lugares em que passei férias)
Florianópolis, Santa Catarina
Ilhéus, Bahia
Trancoso, Bahia
Osaka, Japão

4 aliments ou plats préférés (4 alimentos ou pratos preferidos)
toutes les salades (todas as saladas)
toutes les soupes (todas as sopas)
plats japonais (comida japonesa)
plats mexicains (comida mexicana)

4 endroits où je préférerais être là tout de suíte (4 lugares onde preferia estar agora)
en France
au Japon
au bord de la mer
dans un bistrot avec quelques amis

4 bloggers à qui j'envoie ce questionnaire (4 “blogueiras” para as quais passo este questionário)
Zaza (si tu ne l’as pas encore répondu)


13.2.06

Vegetable Meme


Emi Taya, from Fleur de Seul, has invited me to answer a Vegetable Meme. It was originally written in German, but as it would take me a lot of time to put a decent sentence together in that language, I preferred to translate everything into English. (And my English isn’t that great either!) すみません、たやさん!

(Emi Taya do blog Fleur de Seul convidou-me a responder um questionário sobre vegetais.)

1. Do you like vegetables? (Você gosta de vegetais?)
Sure! (Claro!)

2. Do you have a favorite vegetable?
(
Você tem um vegetal favorito?)
None I can recall, but I eat tomatoes a lot. (Não me lembro de nenhum, mas como tomates com freqüência.)

3. Is there any vegetable that you think (or know) most people don’t like, but that you find great? (Há algum vegetal que você ache (ou saiba) que as pessoas não apreciam, mas de que você goste muito?)
Beetroots. (Beterrabas.)

Why? (Por quê?)
Well, my husband doesn’t like beetroot and I know a lot o people that don’t like it. I think that parents are so eager to make their children love this vegetable that most of them end up hating it. (Meu marido não gosta de beterrabas e conheço muitas pessoas que não gostam desse vegetal. Acho que os pais tentam fazer os filhos gostarem tanto de beterraba que conseguem exatamente o oposto. )

4. Is there any vegetable that you think (or know) most people find great, but that you don’t love that much? Which experience did you have with it? (Há algum vegetal que você ache (ou saiba) que muitos acham ótimo, mas de que você não goste? Qual sua experiência com ele?)
Potatoes. Yes, believe it or not I don’t love potatoes that much. I always pass the fries or the mashed potatoes when I eat out, they don't have a particular flavour and taste just like whatever is beside them on the plate.
And does anyone know jiló? (Picture above) It's a bitter green vegetable I can't eat, but which some people like. My father use to grill and eat it with misso paste. (Batatas. Acredite ou não, eu não gosto muito de batatas. Não como batatas fritas ou purê quando como fora. Elas não tem um sabor particular. Alguém conhece jiló? É um vegetal verde e amargo que não consigo comer, mas que algumas pessoas apreciam. Meu pai costuma grelhá-lo e comê-lo com misô.)

5. Which kinds of vegetable are unusual to you? (Que tipos de vegetais são incomuns para você?)
Asparagus isn’t a common vegetable around here. Is rhubarb a vegetable? If it is, I have never eaten it in my whole life. (Aspargo não é um vegetal comum por aqui. Ruibarbo é um vegetal? Se for, eu nunca o comi.)

6. Name a couple of vegetables that you cook or eat. (Nomeie alguns vegetais que você cozinhe ou coma.)
Tomatoes, carrots, zucchinis, eggplants, onions, pumpkins, cassavas… (tomates, cenouras, zucchinis, berinjelas, cebolas, abóboras, mandiocas...)

7. Which vegetables do you want to know better and bring into you kitchen more frequently? (Quais vegetais você deseja conhecer melhor ou trazer para sua cozinha com mais freqüência?)
Asparagus and fennel. (Aspargos e erva-doce)

8. Some thoughts about vegetables. (Algumas considerações sobre vegetais.)
I can’t live without vegetables. Brazilians use to eat rice, beans and some protein (meat or egg), but I’m not a rice and beans girl, I prefer to eat lots of vegetables instead. (Não consigo viver sem vegetais. Os brasileiros comem arroz, feijão e alguma proteína (carne ou ovo), mas eu não gosto muito desta combinação, prefiro comer muitos vegetais no lugar do arroz e feijão.)

9. Name a great cookbook on vegetables. (Nomeie um grande livro de culinária sobre vegetais)
I really would like to read Maria de Lourdes Modesto’s cookbook “Cozinhar com vegetais” (Cooking with vegetables) that I saw on Elvira’s blog. (Gostaria muito de ler o livro de Maria de Lourdes Modesto, Cozinhar com vegetais, que vi no blog da Elvira.)
Ana, Paz, Valentina and Akemi, would you like to answer this meme?

9.2.06

Cantucci ou Biscotti

Adoro comer estes biscottis com um espresso! Já vi várias versões deles: de chocolate, com pistache, com amendoins, mas o meu preferido é este com raspas de limão e amêndoas inteiras, a versão clássica. Os meus estão mais escurinhos porque tenho usado farinha de trigo integral para cozinhar (uma tentativa de ser saudável). A receita é da Claudia Cozinha que não diz que devemos esperar ao menos 10 minutos antes de cortar os biscoitos após retirar a massa do forno pela primeira vez. Descobri que era por isso que não conseguia cortar meus biscottis direito, a massa é muito quebradiça enquanto está quente.


Cantucci ou Biscotti


2 x farinha
1 x açúcar
1/4 x manteiga
1/2 c. sopa fermento em pó
1/2 c. chá casca de limão ralada
50 g de amêndoas sem casca
2 ovos

Misture todos os ingredientes até que a massa fique homogênea. Divida-a em duas partes e enrole, formando dois cilindros iguais. Arrume-os em uma assadeira grande (forre com papel manteiga), guardando distância entre eles. Achate-os até que fiquem com 1,5 cm de altura.
Asse por 20 minutos em temperatura média (200C). Retire do fogo, deixe esfriar por 10 minutos e corte em fatias de 1 cm de largura, sem retirá-las do lugar, apenas afastando um pouco umas das outras. Reduza a temperatura do forno para 180C e asse por mais 20 minutos.
Deixe esfriar.



**************************************


I love to eat these biscottis with a expresso. I've seen many versions of the recipe: with chocolate, pistacchios, peanuts... But the classic one, with a touch of lemon zest and almonds is my favorite.
Mine are a darker because i've used whole wheat flour (to be healthier!). They are a little twisted because i've just learned that i had to let the loaves cool a little before slicing them!


Cantucci or Biscotti

2 cups ap flour
1 cup sugar
1/4 cup butter
1/2 tablespoon baking powder
1/2 teaspoon lemon zest
50g peeled almonds
2 eggs


Combine all ingredients and mix until dough is smooth. Divide the dough in 2 loaves. Place loaves on a baking sheet, leaving some space between. Flatten each loaf slightly, evenly. Bake in preheated 200C oven for 20 minutes, or firm to the touch. Remove. Cool slightly (about 10 minutes); lower oven to 150 degrees. While still warm, slice loaves in diagonal slices, about 1cm thick. Arrange on ungreased sheet and bake at 180 degrees for 15 minutes, or until firm. Do not brown.

Empadão de peixe


Esta receita é da Tasca da Elvira, o peixe fica impregnado com o sabor do curry e do bacon. Substituí um pouco do peixe por mexilhões.

Empadão de peixe

- 1 kg de batatas
- 1 cebola picada
- 2 dentes de alho picados
- 100 ml de azeite
- 1 folha de louro
- 1 c. sopa de curry em
- 650 g de filé de peixe (fiz um misto de pescada e mexilhões sem casa)
- 150 g de bacon picado
- 50 ml de vinho branco
- 3 tomates maduros picados sem sementes
- 1/2 pimentão vermelho picado
- 1/2 pimentão verde picado
- 3 gemas
- 40 g de manteiga
- 200 ml de leite
- sal & pimenta
- noz moscada
- manteiga

Preparo
Unte um pirex com manteiga e preaqueça o forno a 190ºC. Corte os filés de peixe em pedaços pequenos.
Descasque as batatas e cozinhe-as em água com sal. Escorra. Amasse as batatas, faça um purê adicionando duas gemas, 40g de manteiga e o leite morno. Tempere com sal, pimenta e noz moscada. Misture bem.
Refogue o alho e a cebola no azeite quente com uma folha de louro. Adicione os pedaços de peixe. Tempere com sal, pimenta e polvilhe o curry. Adicione o bacon e deixe dourar. Regue com o vinho branco e espere reduzir. Adicione os tomates e os pimentões. Cubra e cozinhe por 15 minutos. (Se usar outros frutos do mar, como mexilhões, camarões ou lula, adicione-os quase ao final, pois eles não devem ser cozinhados por muito tempo ou ficarão duros).
Espalhe a metade do purê no fundo do pirex. Cubra com a mistura de peixe e finalize com o resto do purê. Pincele a superfície com a gema restante e leve ao forno para dourar um pouco. Sirva em seguida com uma salada.

*******************************

This is a lovely recipe from a lovely blog (in French). I’ve added some mussels in the fish mixture.

Fish Pie
1 kg potatos
1 chopped onion
2 cloves garlic, minced
100ml olive oil
1 bay leaf
1 tablespoon
curry powder
650g fish filets of your choice
150g
bacon, chopped in bits
50ml white wine
3 tomatoes, seeded and chopped
½ red bell pepper, chopped
½ green bell pepper, chopped
3 egg yolks
40g butter
200ml hot milk
salt, ground nutmeg and pepper to taste
butter

Butter an ovenproof dish and preheat oven to 190ºC. Cut fish filets into small pieces.
Peel potatoes and put them in a saucepan, cover with water and bring them to a boil. Boil gently until tender. Drain. Mash the potatoes, stir in 2 egg yolks, 40g butter, milk. Season with salt, pepper and ground nutmeg to taste.
Sauté garlic, onion and bay leaf in olive oil. Add fish pieces. Season with salt, pepper and curry powder. Stir in bacon. Pour in white wine and wait until it evaporates. Stir in tomatoes and red bell pepper and green bell pepper. Cover and simmer for 15 minutes. (If you are using other seafood, add them close to the end of the cooking time, do not overcook).
Spread half mashed potatoes evenly on the bottom of the baking dish. Pour the fish mixture over top, and top with remaining mashed potato to cover. Smooth with a spatula. Brush top with the egg yolk and bake until golden.