23.3.12

Esperamos dizer: Bye, bye, cupins!

Os últimos dias têm sido muito corridos. Um monte de galhos para resolver, uma coisa após a outra, sabe quando você vai dormir e fica contente em poder riscar um item de uma lista que só cresce? Pois é. E não vejo meses mais tranquilos lá para frente. A casa é uma das fontes de nossas atribulações, construída há algum tempo, necessitanto de reformas, todos os dias descobrimos telhas para trocar, uma torneira que não abre ou fecha direito, pintura sofrendo com umidade, metais enferrujando. Mas, enfim, temos uma casa, o que já é algo.

O item "cupim" começou a receber mais atenção. O pessoal da dedetizadora instalou o sistema de controle hoje. Acho a ideia tão boa que não resisti a falar sobre ele. O procedimento consiste em instalar "iscas" ao redor da casa para atrair os bichinhos. Primeiro, coloca-se madeira dentro elas, depois, se houver sinal de cupins, a madeira é substituída por um tipo de tecido/papel que contém um hormônio que impede seu crescimento.


Assinamos um contrato de dois anos, nesse período, as iscas serão monitoradas de 15 em 15 dias, até que se observe alguma atividade cupinífera, e de 30 em 30 dias depois disso. Segundo a dedetizadora, o controle pode demorar mais do que os dois anos, pois tudo depende dos cupins. (Esperamos que eles sejam rápidos). Apesar disso, preferimos esse método à barreira química. Também podemos renovar o serviço após os dois anos mesmo que os cupins tenham sido controlados, pois sempre há a possibilidade de uma nova colônia se formar, mas veremos isso no futuro. No momento, estamos curiosos, esperançosos e tentando não ser céticos.

Foram instaladas duas iscas em batentes de portas (essas caixas grudadas de forma pouco estética na parede) e umas 10 no chão, ao redor da casa (os círculos de plástico verde). Até encontraram alguns cupins em um dos buracos, nas raízes de uma planta ornamental cortada há anos.


Quase desistimos quando recebemos o orçamento, mas alguns espaços ocos sob o piso e o medo dos cupins falou mais alto. Espero que isso funcione e que a casa não caia até lá. Se continuar por aqui, darei um parecer dentro de um ano e ao final do contrato.

2 comentários:

kalina morena disse...

super boa sorte nesse projeto de despedida dos cupins, Karen. eles sao terriveis mesmo.
abraco
Kalina

Karen disse...

Kalina, obrigada, estamos com os dedos cruzados aqui!