23.4.07

Massa podre básica e algumas variações

A última edição da revista Cuisine et Vins de France que recebi traz várias receitas de tortas salgadas e doces que parecem deliciosas. Fiz uma delas e achei ótima! Mas antes de passar sua receita, achei interessante passar a receita básica da massa podre dada pela revista, bem como algumas dicas e sugestões, pois elas são muito boas e podem servir de base para as criações de cada um de vocês!


Massa podre básica

Para uma torta de 26 cm de diâmetro

200g de farinha
100g de manteiga
1 pitada de sal
água

Coloque a farinha, o sal e a manteiga fria cortada em pedaços em uma tigela. Desfaça a manteiga e misture-a com a farinha usando a ponta dos dedos. Adicione água, em fio, pouco a pouco, enquanto continua trabalhando a massa até que ela fique homogênea e se solte das bordas do recipiente. Envolva-a com uma folha de filme plástico e deixe-a na geladeira por no mínimo 30 min.


Após esse tempo, abra a massa com um rolo em uma superfície enfarinhada e enrole-a ao redor do rolo para transportá-la até a forma.

Dicas: 

 
Trabalhe a massa rapidamente sem mexer demais.
Retire a massa da geladeira com alguma antecedência para facilitar na hora de usar o rolo.
Você pode empregar um processador para fazer a massa, verifique o seu manual de instruções.


Para variar você tem várias opções:


Massa podre com tomate: transforme 50g de tomates secos bem escorridos em uma pasta e adicione à massa no final.

Massa podre com manjericão ou ervas finas: pique muito bem um punhado de folhas de manjericão (ou de salsinha, estragão ou mistura de cebolinha e salsinha) e incorpore à massa no final de seu preparo.

Massa podre com parmesão: Adicione 50g de parmesão ralado à farinha quando começar a fazer a massa, mas não use sal.

Massa com vinagre balsâmico: substitua a metade da água por vinagre balsâmico e suprima o sal. Essa massa é muito boa para as tortas salgadas e quiches, mas também é boa para tortas de morango.

Massa podre com azeitonas: substitua 40g da manteiga por uma tapenada de azeitonas verdes e não use sal.

Essa é minha: às vezes substituo parte da manteiga por azeite, a massa não fica tão quebradiça como aquela feita só com manteiga, mas é boa.


18 comentários:

fezoca disse...

eu simplesmente AMEI essas ideias de massas! vou copiar, licencinha! :-)

Cláudia disse...

Que idéias magníficas!! Dá para fazer muitas "brincadeiras" interessantes com essas variações. Um beijo.

Eliana Scaramal disse...

Karen ADOREI! Obrigada por dividir.

Carla Ventura disse...

Adorei! ótima dica! :)

Cinara disse...

Karen, estas massas diferentes são muito chiques!! As cores ficam suaves e lindas, e o melhor de tudo é que devem ficar super saborosas. Depois, se você pudesse dar umas dicas de recheios diferentes e igualmente chiques, a gente agradece... ;o) Bjs!

Ana disse...

Karen, amei as ideias p/ dar flavor as massas! Obrigadissima por dividir a receita aqui com a gente!
Gostei mesmo, deu vontade de testar varias delas!!
Beijos!
Ana

miki w. disse...

karen, sabe q eu nunca fiz nada com rolo? acho q 'herdei' da minha mãe isso rs rs.

há algum tempo comprei um rolo que até hoje, no entanto, não foi estreado. adoro massa podre. quem sabe não faço a estréia com a sua receita?

beijinhos, miki

Akemi disse...

Que idéias geniais para variar o sabor da massa! Para testar o mais rápido possível!

Karen disse...

Meninas, eu também achei essas idéias muito chiques! Eu fiz aquela com manjericão e achei muito boa, não coloquei o suficiente para a massa ficar verdinha como na foto, mas dá um sabor diferente.

Miki, eu também não sou muito amiga do rolo, como tenho pouco espaço para abrir massas, geralmente eu as espalho na forma com as mãos... rs

Patricia Scarpin disse...

Karen, gostei demais das suas sugestões!

Cris disse...

Karen, que show!!! Achei muito interessante a de vinagre balsâmico. Bjs

Karen disse...

Patricia, eu também fiquei doida quando vi na revista!

Cris, eu gostei de todas! Preciso só experimentar!

valentina disse...

Fantástico Karen. Amei este teu post.bjocas

Karen disse...

Val, fico feliz com isso!

Anônimo disse...

Tenho 2 perguntinhas....posso fazer a massa e congelar depois? fica igual? e quanto eh 200g de farinha...1 xicara? 2?

Karen disse...

Anônimo, 1 xícara de farinha = 120g de farinha, então, 200g equivalem a cerca de 1 xícara + 3/4. Eu nunca congelei a massa e não sei como responder a essa pergunta, mas a arosa vende massa para torta congelada.

Maria disse...

Otima receita, obrigada!!

Sil Bertonha disse...

Amei a receita da massa, fiz no processador, aliás, faço tudo no processador!!!!!! Vendo seu perfil vi que vc também assistiu Tampopo....amei esse filme também!!!! Beijinhos da sua nova seguidora que também tem blog de culinária! O meu é o receitinhasdasil.blogspot.com, passe por lá!