2.9.10

Bolo gelado de abacaxi



Receita do Pecado da Gula servida em um almoço de família. Deliciosa como era de se esperar! Esta receita e a do bolo de coco são para guardar e repetir sempre.

Quando fiz o bolo, tive um pequeno problema "técnico", ou melhor, de compreensão da receita. A Akemi escreveu que podemos usar a receita de pão-de-ló que quisermos, mas como eu sou meio inexperiente  em matéria de pão-de-ló, (na verdade, minhas experiências nunca foram muito boas), usei a receita passada por ela, mas não atentei para o fato de que as medidas eram para MEIA receita, ou seja,  caso usasse MEIO abacaxi. 

Depois de picar um abacaxi "jumbo" inteiro, fiz a massa e comecei a cobrir os pedaços de fruta, rapidamente, notei que havia mais abacaxi do que massa, dei uma "esticada" nela para cobrir o que desse e assei assim mesmo. Depois confirmei com a Akemi que deveria ter dobrado a receita da massa. Apesar de mais fino, o bolo ficou ótimo. Segundo ela, é até melhor ter menos massa para que o abacaxi  e o creme sobressaíam.

Fica o aviso. Se preparar a receita da massa (só da massa, certo?) abaixo e usar um abacaxi grande inteiro, dobre as medidas.

Rende bastante, de preferência, use uma forma funda.



Bolo gelado de abacaxi

1 abacaxi picado
6 colheres (sopa) de açúcar

1 massa de pão-de-ló de sua preferência (segue receita abaixo)

Creme:
1 lata de leite condensado
2 latas de leite de vaca
2 gemas
2 colheres (sopa) rasas de amido de milho
algumas gotas de extrato de baunilha

coco ralado para polvilhar



Forre o fundo de uma assadeira com o abacaxi picado e polvilhe açúcar sobre ele. Dependendo da acidez ou doçura do abacaxi, coloque mais ou menos açúcar.

Bata uma massa de pão-de-ló e despeje sobre o abacaxi. Bata o fundo da assadeira para tirar bolhas de ar e leve ao forno preaquecido para assar.

Retire o bolo do forno e vá preparar o creme. 

Coloque todos os ingredientes do creme numa panela e leve ao fogo para engrossar. Fica um creme ralinho.
Despeje o creme sobre o bolo assado e polvilhe coco ralado por cima. Espere esfriar, cubra com filme plástico e leve à geladeira de um dia para o outro.

Sirva decorado com cerejas ao marasquino e folhas de hortelã.

* A Akemi fez meia receita que rendeu uma assadeira de 18x24cm.


Receita para a massa (para 1/2 receita do bolo de abacaxi): 3 ovos, 100g de farinha de trigo, 100g de açúcar, 30g de manteiga sem sal, 15ml (1 c sopa) de leite e algumas gotas de extrato de baunilha.

Derreta a manteiga com o leite e a baunilha no microondas ou banho-maria. Bata os ovos com o açúcar até formar uma mistura fofa e clara, cerca de 15 minutos. Peneire a farinha e misture com delicadeza. Antes que a farinha seja toda incorporada, despeje a mistura líquida derretida e ainda quente sobre a massa. Termine de misturar com colher de silicone até a massa ficar lisa e brilhante. Despeje sobre o abacaxi e leve ao forno preaquecido a 180oC por cerca de 25 a 30 minutos. Faça o teste do palito.


15 comentários:

Quéroul disse...

adoro esses bolos; este parece aquele 'de geladeira', que é embrulhado no alumínio.
mas eu não sou boleira, e bolo também não é minha sobremesa - ou comidinha, vá - predileta.

só que o seu deu aquela vontadinha básica. ;)
vou pedir pra minha irmã fazer o pão-de-ló pra mim quando eu sair das minhas semanas sem doce. :/
oh céus.

beijo

aline naomi disse...

Nham! =)

Marly disse...

Oi, Karen,

Durante anos esse bolo (ou uma versão dele) foi presença obrigatória nas nossas comemorações. Ele é tão bom que cheguei a fazê-lo até por encomenda, pois quem o comia queria comer mais em casa, rsrs.

Beijão e bom fim de semana

aline naomi disse...

[off-topic]
Karen,
você não tem noção!
Ontem/hoje sonhei com você, apesar de não saber exatamente como você é fisicamente. Na verdade, eu não via o seu rosto, mas sabia que era você.
No meu sonho você era dentista, mas aí não estava gostando da profissão e foi ser jornalista e escritora. Não sei por que estávamos em São José, você estava dirigindo, eu estava no banco do carona. Era noite e aí um travesti seminu (???) veio vindo em nossa direção quando paramos em um semáforo; aí deu um pouco de vergonha porque fiquei pensando: "Nossa, o que será que ela vai pensar daqui...". Fim. Porque não lembro do que aconteceu depois.

É... sem comentários! *risos*

Beeijo!

Karen disse...

Quéroul, sabe que bolo também não é algo que vire minha cabeça? Prefiro qualquer coisa mais cremosa e geladinha... Deve ser por isso que ainda gosto de bolos gelados... rs

Marly, você é uma boleira de mão cheia, não devia ser à toa que pediam para você vendê-lo, né?

Aline, morri de rir com esse seu sonho! Mas há pelos umas quatro coisas erradas nele! Para começar as três profissões mencionadas, depois, não costumo dirigir apesar de ter carteira.
Ah, também conheço um pouquinho de S. José, eu nasci aí do lado, em Jacareí, mas me mudei ainda bebê.

Beijos e cuide-se na viagem! Se tiver vontade de escrever qualquer coisa, você tem meu e-mail! ;)

ameixa seca disse...

Adoro abacaxi mas nunca usei em bolo, a não ser o de lata mas deve ser completamente diferente :)

sonia disse...

que lindo! as jaboticabas estão amadurecendo no seu blog!....rsrs

Anônimo disse...

Ah, uma leitora falou que não sabe como vc é. Eu já te vi, numa foto com a Miki, não sei se aqui ou lá no blog dela, rs.
E essa receita é pra copiar e colar. Vou tentar fazer para os meus filhotes.
bj
madoka

Karen disse...

Ameixa seca, a Akemi escreveu que é possível usar o abacaxi em calda, basta não colocar o açúcar. Deve ser um pouco diferente, mas igualmente bom.

Sonia, espero que as mais maduras não caíam antes de todas ficarem pretinhas, preciso é dar um "banho" nelas, pois a falta de chuva as deixou empoeiradas... rs

Shhh... Madoka! É para ninguém saber! (Brincadeira, faz algum tempo que tiramos aquela foto, estou um pouco mais "velhinha" agora).

Akemi disse...

Morri de rir com o sonho da Aline! Que doido! rsss Faz anos que não lembrava de nenhum sonho, era dormir e ter um apagão. Nos últimos tempos "voltei" a sonhar e adivinha? Trabalhando no Japão!!! rss

Sobre o abacaxi em lata, sei não se presta com o daqui. Comprei outro dia para experimentar usar em bolo mas fiquei impressionada. Além de super doce, as fatias pálidas e cortadas em fatias totalmente tortas. Na verdade apenas 3 beeeeeem grossas, além daquele sabor horrível de lata. Sugiro usar a fruta mesmo. No JP a lata vem das Filipinas ou Tailândia, são amarelinhas, fatias regulares e vêm umas 10 e muito gostosas. Me espanto, no nosso país produzir um abacaxi em lata tão ruim de chorar! Ou eu tive muito azar de escolher uma marca sem qualidade.... :-(

Karen disse...

Akemi, eu também achei o sonho um barato! Devia ser difícil lembrar de algum sonho com o ritmo de vida que você tinha no Japão, não é mesmo?

Sério? Desconfiava que devia ser diferente, o paladar oriental é mais delicado, as coisas não são tão doces, que bom que você avisou!

Produtos industrializado por aqui ainda não são feitos com muito cuidado, sei lá, parece que não se procura "evoluir", algumas coisas são iguaizinhas desde que era criança, e também não há tanta variedade como no Japão, por exemplo.

Beijos!

Gina disse...

Karen,
Fiz esse bolo e publiquei no blog, fazendo referência ao seu blog e o da Akemi.
Só fiz a metade do creme e adicionei leite de coco. Foi um sucesso geral, muito bom mesmo!
Bjs.

moranguita disse...

nossa mas qu bolo tao bom.
eu fiquei babando so de imaginar esse bolo
vou levar a receiat comigo
beijinhos

Anônimo disse...

Tenho uma duvida, não vai fermento na massa?

Karen disse...

Oi, Anônimo, a massa não leva fermento, por causa dos ovos, ela fica leve e fofa.