11.9.10

conserva de rabanetes


Algo que minha mãe faz desde que eu me conheço por gente, sem receita, sem medidas. As únicas coisas que modifiquei nos últimos tempos foram a espessura das fatias e a forma de servir. Passei a fatiar os rabanetes no fatiador de legumes (como é o nome daquilo?) para ter fatias bem finas e, na hora de servir, eu retiro da conserva e espremo bem com as mãos para retirar o líquido, polvilho gergelim e pronto. 

O preparo não tem segredo, limpo e lavo os rabanetes, fatio e coloco em um tuppeware com vinagre, açúcar e uma pitada de sal. Geralmente, a mistura chega até a metade ou um terço da quantidade de rabanetes do recipiente, mas o importante é que o sabor esteja de acordo com o seu paladar, eu gosto de algo bem agridoce. De um dia para outro é melhor, mas costumo deixar só algumas horas na geladeira. Há quem não goste do aroma da conserva (que é meio forte, diga-se de passagem), mas é só deixar bem fechado e abrir o tuppeware na privacidade da cozinha.

11 comentários:

Quéroul disse...

parece melanciazinha. :)

Rosa Maria disse...

Adorei o seu blog.Beijos.

Rosa Maria disse...

Adorei o seu blog.Beijos.

Rosa Maria disse...

Adorei o seu blog.Beijos.

Karina Batista disse...

Nossa, também pensei que fosse melancia. Adoro rabanete, mas nunca comi em conserva.

Anônimo disse...

rabanete em conserva, desse mesmo que sua mãe fazia é sinônimo pra mim de: infância, batchan, gohan, verão, oôÔ bateu uma saudade gostosa. Vou procurar rabanetes por aqui.
madoka

Karen disse...

Quéroul e Karina, é a cor da pele do rabanete que acabou tingindo a parte branca! rs

Obrigada, Rosa Maria!

Madoka, acho que essas receitas são comuns a todos os imigrantes japoneses, não é mesmo?

Cau. disse...

Eu q não sou muito fã de coisas agridoces fiquei com vontade de comer. Não sei se foi pela foto ou pela propaganda que fez. ;)

Karen disse...

Cau, experimente! ;)

Anônimo disse...

O nome do fatiador de legumes é mandolim.

Karen disse...

Obrigada, Anônimo!