6.4.13

Empanadas


Adoro empanadas e queria testar esta receita da Neide Rigo já há algum tempo. Elas ficaram boas, mas não tão parecidas com as que comi na Argentina, a massa ficou mais crocante e firme, o recheio deu uma secada, não adicionei o caldo à carne, deixei que o recheio cozinhasse até que ficasse "enxuto" para evitar vazamentos, mas talvez devesse ter deixado um pouco de líquido perto do final e adicionado um tiquinho de farinha para engrossar, assim talvez ele ficasse mais suculento.


Fiz 1/3 da receita. Não ficaram bonitas, mas ainda aprendo a fazer as bordas trançadas...



Empanadas de Carne 
(35 empanadas aproximadamente)

massa
1 kg de farinha de trigo
1 colher de sopa de sal (adicionei menos)
200 gramas de manteiga sem sal
água morna o quanto baste

recheio
1 kg de carne limpa, sem muita gordura (contra filé, alcatra, patinho) cortada em cubinhos
1 kg de cebola cortada em cubinhos
100 gramas de manteiga
1 concha de caldo de carne (não adicionei)
1/2 maço de cebolinha picada
pimenta calabresaa gosto
sal e pimenta do reino moída a gosto
cominho a gosto
páprica a gosto
8 ovos cozidos duros, picados
35 azeitonas verdes, inteiras, sem caroço (para a finalização)
70 uvas passas sem sementes (para a finalização)


Preparo da massa
Misture a farinha ao sal e coloque-a em coroa sobre a mesa, desfaça a manteiga no meio. Misture bem com as mãos e vá incorporando água morna aos poucos até obter uma massa flexível. Trabalhe a massa com as mãos e divida-a em bolas. Estique as bolas com um rolo, na espessura de aproximadamente 2 milímetros. Corte discos de 10 centímetros de diâmetro e reserve.

Preparo do recheio
Doure a cebola na manteiga e junte a carne, misture e acrescente o caldo, a cebolinha, e os demais temperos. Cozinhe, deixe esfriar e leve à geladeira, depois de gelado, junte os ovos cozidos e misture bem.

Finalização
Coloque uma colher de sopa de recheio no centro do disco e junte uma azeitona e duas uvas passas, umedeça as bordas do disco e feche a massa fazendo pressão com o dedo, para as bordas ficarem entrelaçadas. Asse as empanadas em forno quente, aproximadamente 200 C, até dourarem.

11 comentários:

Tertúlia da Susy disse...

Adoro este tipo de petiscos e este deve ter ficado bem saboroso, kiss

P.S. Não esquecer o passatempo a decorrer no meu blog
http://tertuliadasusy.blogspot.pt/p/e-um-projeto-qu-e-pretende-difundir.html

Yolanda disse...

Gosto muito de tudo que é feito no forno, assim fica light. Já ví Álvaro Rodrigues fazendo essa borda, tb quero aprender. Bjs. ótimo final de semana amiga.

Karen disse...

Susy, fica sim!

Yolanda, tenho um pouco de dificuldade para moldar massas, mas espero aprender algum dia... rs

Danni e Lype disse...

Hummm!!! Adoro empanadas!!! Posso me servir de um (risos)??? Adoraria!!!
Grande beijo, Irene

Gina disse...

Karen,
Tenho uma receita muito boa de empanada já publicada.
Quanto aos repulgues, quando publiquei ainda não sabia fazê-los, mas agora sim! Aprendi fazendo shakerbura, um pão do Azerbaijão (também postado). Agora ninguém me segura...rs!
Durante meses estive às voltas com mudança, mas agora pretendo voltar à rotina das visitas aos blogs.
Boa semana!
Bjs.

Diogo Marques disse...

Aos meus olhos ficaram perfeitas! E devem ser uma delicia :)

Karen disse...

Irene, fique à vontade! rs

Gina, vou lá dar uma olhada! Obrigada! Espero que esteja feliz na nova casa! :)

Obrigada, Diogo!

Valentina disse...

VC sabe que nunca provei estas empanadas argentinas?Aqui esta se encontrando muito em street vendors. Acho que um dia destes vou ateé provar.

Karen disse...

Val, provei minhas primeiras em Buenos Aires, são boas para matar a fome e improvisar um lanche.

Turmalina disse...

Eu também adoro as empanadas argentinas!Aprendi uma boa massa que ao invés de água leva guaraná e usa a manteiga gelada.
O primeiro recheio que fiz foi com carne picada e ensopada também.Na minha receita ia tomate picado sem pele e ao final eu adicionava amido de milho para engrossar o molhinho.O restante é igual.
Hoje faço uma versão mais rápida com carne moída refogada com cebola ,cheiro verde e páprica.Depois acrescento a azeitona picada, o ovo cozido e as uvas passas.Pincelo a gema sobre a massa para ficar brilhante.

Karen disse...

Oi, Turmalina! Tudo bem? Essa massa com guaraná é curiosa! Um dia preciso aparecer na sua casa para provar uns quitutes!