8.8.06

Pão integral com okará

Encontrei a receita deste pão neste site (em inglês). Após ter feito a receita de pão de okará da Akemi e o curry, ainda sobrou um pouco para testar esta receita de pão com farinha integral e leite de soja (também de produção caseira). Usei a máquina de pão para amassar, moldei os pães, deixei crescer um pouco e depois assei no forno normal. Não sei se a massa ficaria diferente se fosse preparada sem a máquina, a Akemi já tentou fazer uma receita de pão assim e há diferenças na consistência da massa.

A massa desta receita é meio mole, então não dá para moldar direito, o melhor é untar as mãos com óleo e fazer os pães melhor forma possível ou colocar em formas de bolo inglês. Li em alguma outra receita semelhante que a consistência mais mole da massa é a responsável por sua maciez e crescimento, então talvez não seja recomendado adicionar mais farinha.
Veredito: excelentes.

Pão integral com okará

2 x de farinha de trigo integral
1/2 x okará
1/2 x farinha de trigo normal
1 c sopa de glúten (opcional faz a massa ficar mais fofa, eu não usei e acho que não fez falta)
1 1/2 c sopa de manteiga
3 c sopa de melado, açúcar mascavo ou açúcar
1 1/4 c chá de sal
2 c chá de fermento biológico em pó
1 1/4 x de leite de soja

Usar o okará nesta receita aumenta a quantidade de fibra e proteína do pão e também produz um pão mais leve do que um feito apenas com farinha de trigo integral. Coloque os ingredientes na forma da máquina conforme as instruções do fabricante. Selecione o ciclo "integral" ou "amassar". Se preferir assar no forno, molde os pães untando as mãos com óleo e deixe-os crescer um pouco.


Nota: Meça cuidadosamente a quantidade de fermento, açúcar, farinhas e leite de soja, isso irá determinar a leveza do pão, muito líquido fará com que ele murche. a quantidade de leite de soja e farinha normal podem ser alterados um pouco caso ache necessário.


O que sobrou de um pão atacado logo após deixar o forno

10 comentários:

renata disse...

Karen, essa receita tem um bom rendimento hein ? A exemplo dos nossos colonizadores portugueses, eu ainda almejo servir pães em todas as refeições.

Patricia Scarpin disse...

Karen,

Que bonita a textura do seu pão!
Parece uma espuma de tão fofinho!

Eliana Scaramal disse...

Que belos pães, e como estão fofinhos!

Ana disse...

Que bonitinhos Karen! Mais uma receita p/ eu testar se eu achar/fizer mais okara!
Sabe q aquela outra receita eu fiz duas vezes, a primeira segui direitinho, mas na segunda vez usei metade farinha branca e metade integral, ficaram otimos tbem e p/ ser sincera quase nao dava p/ notar a diferenca (no sabor e na aparencia tbem), ainda ate tenho alguns no freezer!
Ana

Akemi disse...

Que massa fofa, Karen! Amei esta textura, vou experimentar sem falta esta receita! Apesar de usar pouco okara, usa leite de soja, ne! Rende o mesmo tanto que a receita do Embrapa?

Karen disse...

Renata, pão é tão bom, né? Apesar de não comer muitos doces eu como pão demais.

Patrícia, eu gostei muito da textura, apesar da massa ser meio chata para modelar os pães.

Eliana, eles ficaram mesmo!

Ana, que bom saber disso! Ainda vou experimentar!

Akemi, eu fiz a receita toda e acho que daria para dividir em duas formas de bolo inglês.

Luciana disse...

Karen, nunca usei o Okará e preciso experimentar. Já fiz algumas vezes o pão integral que tem no site da fleischmann e é ótimo. Também já experimentei acrescentando nozes, passas, gergelim, sementes de girassol e fica muito bom.

Karen disse...

Luciana, eu não conheço o site da fleischmann, vou dar uma olhada, adoro pão integral cheio de grãos e cereais!

Papilles et Pupilles disse...

Ils sont superbes tes petits pains ! La mie a l'air géniale !

Karen disse...

Papilles et pupilles, oui! Ils sont très bons! La recette originale est en anglais!