8.1.08

Roast beef (Vegetarianos, desviem os olhos!)

Vi o Gordon Ramsay preparando essa receita e fiquei morrendo de vontade de experimentá-la aqui em casa. Não achei a carne que os ingleses tradicionalmente usam para fazer o Roast Beef, que é parte da bisteca bovina, ou chuleta, nos supermercados, mas talvez em um açougue seja possível pedir uma peça ainda com o osso. Resolvi o problema usando um pedaço de contrafilé, fiz de acordo com a receita e ele ficou muito macio. Completei minha típica refeição inglesa com salada e yorkshire puddings. Sobrou bastante carne e para acabar com ela, cortei-a em fatias e servi fria com folhas verdes e um molho feito com mostarda, alcaparras, vinagre, azeite e sal (como o molho de carpaccio).

Roast beef 

 
uma peça de 1,2-1,5 kg de chuleta ainda com osso (usei 1 kg de contrafilé)
sal e pimenta
2 c sopa de azeite


Molho:

alguns ramos de tomilho

4 dentes de alho inteiros
2 cebolas roxas descascadas e fatiadas

4 tomates cortados ao meio

350ml de vinho tinto

1.2 l de caldo de carne


Aqueça o forno à 200C. Tempere a carne com sal e pimenta e doure-a de todos os lados em um panela com o azeite (cerca de 3 min de cada lado). Transfira para uma forma e leve ao forno para assar por 15 min por 450g de carne se quiser malpassada ou 20 min por 450g para um ponto médio. (Deixei por 45 min).
Quando a carne estiver assada, transfira para uma travessa e deixe descansar em um lugar aquecido enquanto prepara o molho.

Para o molho:
Retire o excesso de gordura da forma na qual a carne foi assada e coloque-a sobre fogo médio no fogão. Adicione o tomilho, o alho, as cebolas e os tomates. Cozinhe por 4-5 min, depois adicione o vinho e deixe cozinhar. Amasse os tomates para ajudar a encorpar o molho. Coloque o caldo de carne e deixe ferver por cerca de 10min até que o molho seja reduzido pela metade. Passe-o por uma peneira, amassando os pedaços de vegetais para extrair seu sabor. Leve novamente ao fogo e deixe reduzir.

Corte o roast beef em fatias finas e sirva com o molho, yorkshire pudding, repolho refogado, cenouras glaçadas e batatas assadas.

12 comentários:

Letrícia disse...

Hummm, que apetitoso. E é tão simples de fazer!

lunalestrie disse...

Também tenho uma receita de rosbife mas nunca tenho coragem de fazer. Mas a minha tinha que ser mais bem passada, hehehe.

Laurinha disse...

Delícia, adoro roast beef, e assim como você fez, deve ser uma delícia!
Beijinhos,

ZAZÁ LEE disse...

Saudades de vc!
Não consigo falar com vc por e-mail....
Detestei esta carne sangrenta....ARG!!!!!!!

Valentina disse...

Adoro roast beef.

Karen disse...

Letrícia, é fácil mesmo, o molho é que leva mais tempo!

Luna, mas essa aí estava bem passada, quer dizer, estava no ponto, quando mais cozida, mais dura a carne fica, não é mesma coisa... rs

Laurinha, não como muita carne, mas esta estava muito gostosa!

Zaza, enviei um e-mail, vamos ver se vai! (Eu avisei para quem não gosta não olhar para a carne!)

Val, eu não gostava muito não, mas esta receita ficou boa!

Vitor Hugo disse...

São quase 22h... e fiquei babando com esse prato! E com os bolinhos também! Finalmente, uma receita bacana dos pudding, estava trás a(há?) tempos. =D

Karen disse...

Vitor, eu também procurava uma receita dos puddings há muito tempo!
Engraçado, homens parecem ter uma atração maior por carnes preparadas desta forma, não bem passadas... rs

Elvira disse...

Eu que nem sequer sou muito dada à carnes vermelhas, fiquei a babar! ;-)

miki w. disse...

karen, ainda q eu tenha me desejado comer menos carne em 2008, a verdade é q eu a-do-ro uma carninha bem feita. rosbife é um dos pratos q eu faço (fazia, talvez? rs) sempre.

o seu está com uma cara muito boa!

beijinhos, miki

Karen disse...

Elvira, eu também não como muita carne vermelha, só quando não outra coisa! Mas esta estava boa.

Miki, rosbife é muito prático, não é mesmo? Eu não faço sempre não, é bem raro.

miki w. disse...

é verdade, karen, é bem prático! e eu gosto porque depois dá para virar lanchinho!

beijos!