22.2.07

Paulo das Trutas - Monte Verde (MG)

Mais uma de Monte Verde. (Juro que estou acabando!)

Comer ao menos uma vez no Paulo das Trutas é a uma experiência, digamos, bem pitoresca e agradável. Como o nome diz, o lugar serve trutas (só trutas, ok?) com diversos tipos de molhos. Vários tanques redondos com as ditas cujas cercam o restaurante que fica em meio a muito verde e parece um barracão. Há outras duas filiais no centro da cidade. Entretanto, creio que a experiência de ver as trutas serem retiradas do tanque antes de irem para o prato só é possível no restaurante mais afastado ao qual se chega por ruas bastante "judiadas".

Chegamos por volta de 12:30h, caminhamos em direção ao restaurante entre pés de hortências em flor (elas estão em todos os lugares) e o restaurante estava fechado, o dono (não temos certeza de se ele era ou não o "Paulo") apareceu atrás de nós, como em um passe de mágica, e disse que iria abrir. Uma mulher veio em seguida e abriu as portas. Enquanto ela ajeitava as coisas lá dentro, passamos um tempo olhando os tanques, os peixes e conversando sobre as condições das estradas, carros, etc., quer dizer, O e o suposto dono conversaram sobre essas coisas.

Como de regra, comemos sozinhos. A opção de bebidas era escassa, não havia frutas paras as caipiroscas mais elaboradas e cerveja importada, só de trigo. Quem viaja para Monte Verde na baixa temporada corre esses riscos.

Escolhemos nossos pratos, eu fui de truta com purê de maçã e O de truta com molho de cebolinhas. Vimos nossos peixes serem retirados do tanque (algo que não aconselho) e esperamos um bom tempo até a comida ficar pronta. Minha primeira opção tinha sido uma truta defumada, mas não havia nenhuma à minha disposição, elas ainda estavam sendo preparadas no defumador do lado de fora. (Você pode comprá-las nas lojinhas da cidade, mas eu não tive coragem, elas pareciam fósseis pré-históricos embrulhados à vácuo entre duas folhas de plástico).

Apesar do menu dizer que as trutas são grelhadas, leia: "empanadas em farinha e fritas em manteiga", mas isso não é um problema, pois, para saboreá-las, você retira a pele, que sai com facilidade, em seguida, os pedaços de carne da parte superior, remove a espinha dorsal que sai inteira e pronto! Pessoalmente, acho que as trutas não têm muito sabor, o que muda na forma de prepará-las, e faz a diferença, são mesmo os molhos.

Tanque de trutas

Outro tanque

Estão vendo as trutas?

O lugar é bem simples

Truta grelhada com batatas passadas na manteiga

Um cão bonachão

5 comentários:

Cris disse...

A gente não se cansa de ver não... Pode mandar mais!

Akemi disse...

Morri de rir da truta defumada que parece fóssil! rsss
O restaurante apesar de simples é bem ajeitadinho, gostei!

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
A Taste in Heaven disse...

Pode continuar sim, estou adorando as postagens!!

Vivianne

Karen disse...

Cris, de qualquer forma, a próxima será a última.

Akemi, precisa ver as trutas defumadas, queria comprar uma, mas perdi a vontade! rs

Vivianne, que bom!