23.5.11

Quiabo à moda indiana


Quiabo é algo que não tem muito ibope aqui em casa, mas sempre compro quando ele começa a ser vendido no site de orgânicos. Gostei desta receita, ela é bem simples e rápida. Fiz com óleo de canola no lugar da manteiga, mas coloquei pouco e quase queimei tudo, a manteiga dá mais untuosidade, acho que teria sido uma opção melhor, mas ficou gostoso.





Quiabo à moda indiana

3 c sopa de manteiga
1 cebola média picada
450 g de quiabo fatiado
1/2 c chá de cominho moído
1/2 c chá de gengibre em pó
1/2 c chá de sementes de coentro moído
1/4 c chá de pimenta do reino
sal a gosto

Derreta a manteiga, adicione a cebola e refogue até que ela fique macia. Adicione o quiabo e os temperos. Cozinhe mexendo por alguns minutos, reduza a temperatura e tampe a panela. Deixe cozinhar por cerca de 20 minutos ou até que o quiabo fique macio. (Fique de olho, pois dependendo do tipo da panela e da chama do fogão, isso pode levar menos tempo).

.

7 comentários:

sonia disse...

Karen, eu assisti a um video do Dr. Lair Ribeiro onde ele fala sobre o óleo de canola. Vc sabia que não existe uma planta com esse nome? É uma sigla que quer dizer...bem, coloquei abaixo um resumo dessa parte do video que achei importante saber.

07.É preferível usar para cozinhar a banha de porco ou o óleo de coco. Óleos vegetais são menos saudáveis. Óleo de canola é “veneno”.(Óleo de girassol é feito com girassol, óleo de amendoim, com amendoim. Óleo de Canola – não existe Canola, é na verdade uma sigla para Canadian Oil with Low a Acid, eles diminuem a concentração de um ácido que faz mal, traduzindo: óleo com “veneno” reduzido.)

Karen disse...

Engraçado, Sonia. Nunca tinha ouvido falar nisso, mas até onde eu saiba a planta da qual se extrai o óleo exite, é uma espécie de rapeseed ou colza que sofreu alguns melhoramentos. Vou pesquisar. De qualquer forma, uso mais azeite na cozinha. Eu e o O. fizemos nossos check-ups no mês passado e nossos níves de gordura estão excelentes. rs

sonia disse...

Eu usava óleo de canola há 10 anos, imagina o susto que levei! Tenho problemas de falta de produção do colesterol bom (HDL) e achei que a canola fosse melhor. Em todo o caso, passo o video caso vc queira assistir:
http://www.youtube.com/watch?v=YIsnqUpLpx4&feature=player_embedded

Vou fazer a receita do pão de batata. Parece delicioso. Só vou colocar umas 2 colh. de açucar, pois tenho restrição.

Karen disse...

Sonia, li em alguns lugares que dizer que a canola faz mal é lenda urbana, mas vai saber. O Lair Ribeiro é médico afinal...

Sempre usei óleos vegetais em pequena quantidade. Acho que o importante é variar e não exagerar. Até fiquei orgulhosa do O. Os níveis de colesterol dele há cinco anos atrás estavam no limite e agora estão até melhores do que os meus. A glicose também está ótima. Devemos estar fazendo algo certo! :))

O pão de batata fica delicioso. Espero que goste. Cuidar da saúde é importante!

Quéroul disse...

tô criando coragem pra fazer quiabo - não é meu troço preferido, mas eu tô numa curiosidade sem fim pra comer caruru, hehehe.
seus quiabos tão tão bonitos que me deu até vontade...

e como eu ando curtindo coisas apimentadas, de repente eu jogo os quiabos na receita chinesa que eu ando repetindo sempre (e cada vez com mais pimenta). olha que delícia, pode fazer que eu garanto a alegria: http://miladycarol.blogspot.com/2009/12/vagem-frita-moda-de-szechuan.html

(e que coisa essa da canola... mas eu uso mais manteiga mesmo, hahahaha).

Turmalina disse...

Bom dia!!!! Eu adoro quiabo e esse tempero deve ficar mesmo muito bom, bem aromático.
Se tiver um tempinho, tem um questionário lá no blog que eu gostei muito de responder.E como você é uma boa leitora também, gostaria de saber as suas respostas.Acredito que sejam enriquecedoras :o)

Karen disse...

Quéroul, eu nunca comi um caruru de verdade e sempre tive vontade de provar, frango com quiabo também.

A receita parece mesmo muito boa, vou fazer, preciso só dos ingredientes. Estou em fim de feira...



Turmalina, dei uma lida no questionário ontem, ele é meio parecido com um que respondi há algum tempo atrás. Mas alguns gostos mudam, então responderei este também. :)